domingo, 17 de abril de 2011

Ironman Brasil: Semana 15 - O Rei da Montanha

Há pouco mais de 1 ano, estava no pico do volume do treino pra maratona de SP. Relatei isso aqui no blog.

Muita água rolou por debaixo da ponte desde então. Treinei muito neste intervalo de tempo. Estou sentindo no corpo a mudança, a evolução. Mais do que no corpo, nos tempos dos treinos e provas.

Não vou ganhar, não vou pegar pódio, não vou pro Havaí.

Quem liga?

Se eu gostaria? CLARO.

Em primeiro, o Ironman Havaí é o sonho que me empurrou pra essa jornada nos longos idos dos anos 90, quando não havia um circuito Ironman. Ficava triste por saber que nunca teria uma chance de correr uma prova dessas.

Em segundo, todo mundo que faz qualquer esporte quer um pódio, mas este é para poucos. 

Fico muito feliz em ver meu esforço recompensado com melhora de tempos, com melhora do condicionamento e forma física e com o prazer que existe (sim) nas sessões extenuantes de treinos. De verdade.

Por isso, hoje não me contento em "estar" no topo do mundo (quem ler o link do post antigo, vai entender).

Hoje eu sou o REI DA MONTANHA. Da minha montanha, sem me importar que ela não seja um Everest.





Hoje eu cheguei no pico do volume do ciclo do Iron. Não a semana que mais treinei, afinal foram quase 80 kms na conta do Bono Vox. O fim de semana, porém tiveram os maiores treinos. Foram 35 km no sábado, em companhia do grande nadador e ironman César Quina (que vai pro Havaí, se depender da minha torcida), além de 180 km de bike + 10 km de corrida no domingo, treino este meio conturbado, mas válido. As metas traçadas são possíveis.

Agora é morro abaixo.


Log da Semana:  307 km em cerca de 16 horas e 30 minutos de treinos, sem Pilates e sem massagem.

Faltam 41 dias!


Um comentário:

  1. Dani, vc mudou de shape! Vai fazer uma super prova! Tenho certeza.

    ResponderExcluir