quinta-feira, 1 de abril de 2010

Paixões

Paixões são cegas....estúpidas e ignorantes (ignaras)!

Sou (fui) exemplo disso e perdi muito tempo e outras coisas com quem não merecia.

Hoje sou sim apaixonado. Pela minha mulher, pela minha filha, pelo que eu faço no trabalho e fora dele.

Algumas dessas paixões guiam minha vida, como o que eu sinto pela minha família.

Outras eu uso como instrumento. Meu trabalho é o meio pra eu viabilizar as coisas que eu e minha família queremos, que gostamos. Não me acho melhor do que ninguém por causa da minha profissão, não me acho melhor do que ninguém dentro da minha profissão. Sou bom no que faço (e sei disso), mas não desmereço ninguém pra aumentar eventuais diferenças e, mais que tudo, sei meu lugar! Não tenho pretensões milionárias (não seria nada mal) e nem deixo a proximidade com celebridades e pesudocelebridades me iludir e me encantar a ponto de ignorar amizades verdadeiras.

Tenho paixão por esportes. Gosto de absolutamente todos os esportes, até os mais improváveis. Como toda criança, já joguei bola, já nadei ... Já joguei volei na época da geração de prata. Finalmente descobri (em 1995) o que realmente gosto de fazer nessa área: nadar, pedalar e correr. Como dizia no meu moribundo orkut: TUDO JUNTO E NESSA ORDEM.

Tem coisas que não consigo entender.

Como pode uma paixão por um esporte guiar a vida de indivíduos (alguns inteligentes) e fazer desses indivíduos pessoas ignorantes, dizer coisas ignorantes e ter atitudes ignorantes.

Sou tricolor. Já vi meu time ganhar todos os campeonatos que disputou. Já fiquei acordado de madrugada pra ver jogo. Já xinguei, já torci de pé no sofá porque não dava pra ficar sentado, de tão nervoso.

Quando querem me atacar, sou viado, bambi.

O fato de torcer por um time me faz homossexual? E se fosse? Conheço alguns e gosto muito deles, sem que isso coloque em dúvida qual minha orientação.

Por isso não vejo mais futebol. Quem faz o futebol (jogadores, dirigentes e torcedores) não me fazem querer que eu perca meu precioso tempo.

Ontem o Morumbi foi vetado pela 4ª vez pela FIFA. Tem gente comemorando porque o estádio do São Paulo (e DE São Paulo) foi vetado. O "narrow mind" é tamanho, que faz pessoas esquecerem que vamos perder a chance de abrir a copa, independente do palco. Eu gostaria MUITO de levar minha filha à abertura de uma copa do mundo.

Agora.....Imagine a cena:

A partir de agora, quem tiver a bike CALOI ou correr com tênis BAMBA (pra não ofender ninguém) vai ser bambi na linha de largada da próxima etapa do troféu Brasil.

Já imaginou neguinho se estapeando porque vai torcer pro Fábio Carvalho e outro pro Virgílio ou ainda, porque o outro começou a cantar: "puta que o pariu...é o melhor nadador do Brasil....Shiro" (musiquinha frequente em estádios, não com o Shiro como protagonista, claro..)

Olha a diferença:

Largada do ironman Brasil. Seus idolos e você...lado a lado. Ninguém vai furar o olho de ninguém porque o cara do seu lado vai chegar na sua frente. Sua família tá na praia, torcendo muito por você e te esperando na chegada. Correndo com você, por que não?

Cena triste e comum num jogo de futebol. Esse cara volta pro estádio? Por que tem uma cerca gigante dividindo o campo do jogo e o público?

Torcer por um time virou meio de ataque pessoal. E tem gente que esquece que NADA do que acontece dentro do campo muda sua vida. Seu time perdeu...pena, mas você continuar tendo que acordar pra ir trabalhar, seu salário não baixou ou subiu....

Paixões...

Podem motivar a grandes realizações....

Podem fazer de você uma pessoa ignara....

Um comentário:

  1. claudia (clauarat@gmail.com)8 de junho de 2010 21:56

    Oi Daniel Compartilho com vc todas essas paixões e também suas preocupações. A diferença é que sou corintiana roxa! Meu filho mais velho tem ido aos jogos e eu fico com o coração na mão, morrendo de medo que aconteça alguma coisa, por causa dessa imbecilidade que afeta as pessoas nas proximidades dos estádios. Não conseguia ainda levar os outros três: o preço é extorsivo, não tem lugar marcado, não vende pela internet (qdo vende é mais caro ainda), a comida é um lixo, a bebida idem! Realmente, não sei como é que o futebol ainda é uma paixão nacional.
    bjs
    (1/4/2010 16:09:50) - (IP: 201.55.46.155)

    ResponderExcluir